IRepórter

Bodes fujões pastam livremente no principal cartão postal de Itapetinga

Por ireporter.blog

Cavalos, porcos, vacas e bodes circulam livremente pelas ruas, praças e rodovias que cortam o município de Itapetinga, conhecida nacionalmente como a Capital da Pecuária. É comum encontrar os animais andando por aí. Um problema grave que gera desconforto para a população e que pode causar acidentes de trânsito.


Com frequência, a população de Itapetinga divide espaço com animais de pequeno, médio e grande porte; alguns andam solitariamente, outros, em grupos. Uma cena comum, principalmente nos bairros periféricos da cidade. Na tarde desse sábado (23) foi à vez do Parque Poliesportivo da Lagoa. Quatro bodes escolheram o principal cartão postal de Itapetinga para se alimentar do gramado do parque. Os animais passaram horas pastando no local como se fosse o quintal da casa deles. Em seguida, cruzaram a rodovia BA-263, se ariscando entre carros e motos, para degustar a grama do canteiro central do trevo que dá acesso ao município de Macarani. Tudo isso no maior sossego. Depois do ‘passeio’, os bodes fujões deixaram o parque, sentido rumo ignorado.

Na madrugada de sexta-feira (22) um motociclista ficou ferido depois que a moto colidiu em um potro na rodovia BA-263, no perímetro urbano de Itapetinga. Esse tipo de ocorrência tem acontecido com certa frequência no município. Clique AQUI para mais informações a respeito do acidente.


Curta e Compartilhe.


Leia Também

Open chat