IRepórter

Bolsonaro recebe alta médica

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) teve alta na manhã deste domingo (18/7) do Hospital Vila Nova Star, na zona sul de São Paulo, onde estava internado desde quarta-feira (14) para tratar uma obstrução intestinal. A partir de agora, o chefe do Executivo nacional vai seguir o tratamento ambulatorial, segundo nota divulgada pela Secretaria Especial de Comunicação (Secom). “Espero em 10 dias, estar comendo um churrasquinho de costela”, brincou Bolsonaro, ao sair do hospital.

Bolsonaro foi internado na madrugada de quarta-feira (14), após sentir fortes dores na região abdominal. Inicialmente, ele foi levado ao Hospital das Forças Armadas, em Brasília, mas, no mesmo dia, foi transferido para São Paulo a pedido de seu cirurgião. Dias antes de ser internado, o presidente havia apresentado crises de soluços em eventos públicos e se queixado do problema a seus apoiadores no Palácio do Alvorado em sua tradicional live às quintas-feiras no Facebook.

Na noite de sexta-feira (16), os médicos haviam informado que o presidente estava evoluindo bem e que houve melhora no quadro de obstrução intestinal a ponto de a alimentação ter sido retomada. Segundo os médicos, Bolsonaro foi submetido a uma tomografia computadorizada do abdômen, e o exame mostrou a melhora do quadro clínico. Na quinta-feira (15), a sonda gástrica já havia sido retirada. No mesmo dia, Bolsonaro publicou nas redes uma foto caminhando no hospital.

Segundo o cirurgião Antônio Luiz Macedo, que acompanha o presidente desde o episódio da facada em 2018, Bolsonaro terá de seguir uma dieta balanceada e rotina de exercícios para evitar um novo quadro de oclusão no aparelho digestivo.


Curta e Compartilhe.


Leia Também

Open chat