IRepórter

Evento do PT em Itapetinga não obedeceu as recomendações da OMS; participante atesta positivo para coronavírus

Por IRepórter/Eudo Mendes

A cidade de Itororó, distante 25 quilômetros de Itapetinga, registrou o primeiro caso de coronavirus. Trata-se do ex-prefeito do município, Adroaldo Almeida, que utilizou as redes sociais para tornar público o resultado do seu exame para Covid-19. Ele disse que os sintomas (tose e febre) começaram no dia 20 de março e que imediatamente acionou a Secretaria de Saúde de Itororó. O resultado deu positivo para o vírus, mas, o ex-prefeito informou que não tem mais os sintomas da doença, porém, permanece em isolamento domiciliar, obedecendo as recomendações dos órgãos de saúde.

No dia 11 de março, Adroaldo retornou de viagem de Salvador e Feira de Santana, municípios que já registravam casos confirmados.

No sábado, dia 14 de março, o Partido dos Trabalhadores (PT), realizou um evento para empossar novos dirigentes. O plenário da câmara de vereadores de Itapetinga ficou lotado. Autoridades políticas de Itapetinga, Itambé, Nova Canaã, Macarani, Santa Cruz da Vitória, Salvador, participaram do encontro. Adroaldo era um desses participantes. Um dia antes do evento em Itapetinga, ele participou de uma reunião na cidade de Itororó, onde estavam dezenas de pessoas, que apoiam sua pré-candidatura á prefeitura local.

O evento do PT realizado em Itapetinga ocorreu um dia depois que a Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou orientações para evitar a disseminação do coronavírus. Inclusive, o Jesus Vida Verão, evento gospel que acontece anualmente na cidade, programado para acontecer naquele final de semana, foi suspenso em obediência as recomendações da OMS.

As recomendações são várias, no caso em questão, a Organização Mundial da Saúde, pede para realizar reuniões através de videoconferência, justamente para diminuir os danos que o vírus pode causar á população. Na ocasião, ainda não existia o decreto da prefeitura de Itapetinga proibindo a realização de eventos, no entanto, as recomendações da OMS saíram antes e foram amplamente divulgadas pela imprensa.

Não há informações onde e quando o ex-prefeito foi contaminado pelo vírus e, provavelmente, isso seria impossível, por causa da agenda pública do político.

Segundo a secretaria de saúde, as pessoas que tiveram contato com o ex-prefeito e até o momento não apresentaram os sintomas, provavelmente, não foram contaminadas pelo vírus.

Em nota, o Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores disse que a Secretaria de Saúde de Itororó “afirmou não ser necessário que os participantes daquela reunião tivessem que se dirigir a qualquer ponto de atendimento em saúde, já que os mesmos não apresentam sintomas e já havia um tempo superior a 15 dias da ocorrência da referida reunião”.

O PT disse ainda que está sendo vítima de boatos e informações falsas sobre o evento, realizado em Itapetinga, mas, não comentou a respeito das recomendações da OMS.

O ex-prefeito de Santa Cruz da Vitória, Jackson Bonfim (PT) está em isolamento social com suspeita de coronavirus. Ele também esteve participando do evento petista na Capital da Pecuária no dia 14 de março.

Veja também: PT diz que tinha autorização para realizar evento em Itapetinga e mais duas cidades


Curta e Compartilhe.


Leia Também

Open chat