IRepórter

Itapetinga | Trabalhador é acusado injustamente por furto em sorveteria

Por ireporter.blog

Foto: reprodução/redes sociais

As informações de um furto praticado em uma sorveteria na cidade de Itapetinga, viralizaram nas redes sociais nesta segunda-feira (25). As informações estavam acompanhadas de um vídeo de um homem subtraindo um aparelho celular do interior do estabelecimento comercial, localizado no Parque Poliesportivo da Lagoa. Não demorou muito e alguns internautas começaram a compartilhar fotografias de um morador, alegando que ele era o autor do crime. No entanto, a pessoa em questão nunca foi presa, nem existe investigação contra ela. Trata-se do auxiliar de limpeza, Holace, 32 anos. O morador disse que tomou conhecimento que a sua foto estava sendo compartilhada nas redes sociais através de familiares e amigos.

“Quando foi ontem à noite começou a divulgação de foto e o meu nome. Muitos amigos mandaram mensagens, preocupados e perguntando se realmente era eu. Foi constrangedor por causa da minha índole, do meu caráter. A família ficou muito preocupada, muita gente compartilhou esse fake”, disse Holace.

O verdadeiro suspeito do furto ainda não foi localizado pela Polícia Civil, responsável pelas investigações do caso.

As pessoas que publicam e compartilham conteúdos como esse podem responder pelos crimes de calúnia, injúria ou difamação, pagar indenização por dano moral e material, além de responder criminalmente. Dependendo do crime cibernético, o denunciado pode pegar até dois anos de prisão.

Clique AQUI para visualizar a notícia do furto:


Curta e Compartilhe.


Leia Também

Open chat