IRepórter

Mãe do cantor gospel Delino Marçal é morta após agressão na porta de igreja

A mãe do cantor gospel Delino Marçal foi morta após ser agredida na porta da igreja Assembleia de Deus, na manhã desta sexta-feira (14), em Goiânia. A Polícia Civil apurou que o suspeito, de 22 anos, invadiu o templo e começou uma briga com um homem. Depois, ele agrediu a idosa com um objeto de metal. Ele foi preso em flagrante.

De acordo com a Polícia Civil, a vítima foi identificada como Odete Rosalina Machado da Costa, de 79 anos. Ela era pastora na igreja onde foi morta. O boletim de ocorrência narra que a idosa foi encontrada na calçada. O nome do suspeito não foi divulgado pela polícia. Por isso, o g1 não localizou a defesa para se manifestar sobre o caso até a última atualização desta reportagem.

“O autor teria se envolvido em uma briga com parentes e logo após saiu para rua. Ele entrou na igreja e iniciou uma briga com um homem. Logo em seguida, teria acertado a vítima com vários golpes usando um objeto de metal”, diz trecho do boletim de ocorrência. O Corpo de Bombeiros compareceu ao local, porém a vítima não resistiu a agressão. Segundo a polícia, o homem fugiu do local após agredir a idosa e começou a jogar pedras em ônibus do transporte coletivo.

Delino Marçal é cantor e compositor conhecido nacionalmente. Entre suas canções que fizeram muito sucesso estão “Deus é Deus”, “Sonho Grande” e “Que amor é esse”. O artista, antes de seguir carreira solo, fez músicas para cantores renomados como Henrique César, Elias Souza, dentre outros. Em 2019, Delino Marçal venceu o Grammy Latino na categoria Melhor Álbum de Música Cristã em Língua Portuguesa.

Clique AQUI para mais notícias de Itapetinga, Conquista e região


Curta e Compartilhe.


Leia Também

Open chat