Polícia Militar atende ocorrência de maus tratos a animais em Itapetinga

0

POR IREPORTER.BLOG

Na tarde desta quinta-feira (19), por volta das 15 horas, uma equipe da Polícia Militar deslocou-se até a Rua Dom Pedro II, no Centro de Itapetinga.

Minutos antes, a instituição SOS Animais de Rua, havia recebido informações da possível existência de um cachorro, abandonado e chorando em uma construção na localidade.

Durante buscas no imóvel, os policiais constataram que realmente havia um cachorro no local, porém, o animal não foi encontrado.

Uma voluntaria da SOS Animais de Rua acompanhou toda a ocorrência. A instituição encontra-se impossibilitada de fazer resgate por falta de espaço adequado para os animais. Os resgates só podem acontecer se houver a colaboração do poder publico e comunidade.

“A instituição não faz parte do serviço publico municipal e sem o envolvimento das pessoas que se incomodam com a situação dos animais fica difícil dar conta da demanda. Se existir um pouco de força de vontade por parte dos vereadores e da gestão municipal não é preciso que esperemos que venha um Centro de Zoonoses para amenizar o problema. Uma divisão numa secretaria responsável por resgate de animais e pelo atendimento de denúncias referentes aos mesmos já ajudaria. Comprometam-se, a omissão só faz com que o problema cresça e sobrecarrega quem tem boa vontade”, disse Solange Oliveira, agradecendo o apoio da Polícia Militar na ocorrência.

O presidente Jair Bolsonaro sancionou no dia 29 de setembro projeto de lei que aumenta punição para quem praticar maus tratos contra cães e gatos. Agora, este tipo de crime, que geralmente era punido com serviços comunitários, prevê reclusão de dois a cinco anos, além de pagamento de multa e proibição de guarda de outros animais.

Clique AQUI para mais informações de Itapetinga:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui