IRepórter

Região| Horas antes da morte, jovem acusa ex de envenenamento

Foto: reprodução

Um homem foi preso, na segunda-feira (20/9), suspeito de matar uma jovem identificada como Amanda Sales Silva, de 21 anos. O caso aconteceu no município de Itarantim.

Pouco antes de morrer, ao dar entrada no hospital, a vítima relatou o que tinha acontecido. De acordo com a Polícia Civil, Amanda chegou ao centro de saúde ainda consciente e detalhou que passou mal após ter encontrado seu ex-namorado, acusando-o de envenená-la – o que consta no prontuário médico de urgência da unidade de saúde.

“Houve uma festa no distrito de Ribeirão do Salto. Há notícias de que os dois são ex-namorados e se desentenderam. Quando ela foi pra casa, começou a passar mal e a dizer que ele a havia envenenado. No hospital, ela disse claramente que havia sido envenenada, que ele colocou veneno na bebida dela, e veio à obito na madrugada”, afirmou o titular da 21ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Itapetinga), Antônio Roberto Gomes.

A vítima foi transferida ao Hospital Paulo VI, em Jordânia (MG), mas não resistiu. Os policiais localizaram o suspeito na casa da namorada e encontraram o veículo dele escondido em um posto. O homem foi conduzido à sede da Coorpin, onde foi preso em flagrante, e negou envolvimento na morte. Ele não explicou por que o carro estava no posto.

Além desse feminicídio, ele também é suspeito de ter incendiado a residência de outra ex-namorada. Com o preso, foram apreendidos o veículo, R$ 4.735 em espécie e dois celulares. Ele está à disposição do Poder Judiciário. (aratuon)

Leia mais: 

Região| Ferido, homem que transportava dinheiro é encontrado caído na estrada, mas não resiste

Mais um caso de importunação sexual em Itapetinga

Acidente com vítimas é registrado em Itapetinga

Itapetinga | homem tenta assaltar praticante de muay thai e termina se dando mal


Curta e Compartilhe.


Leia Também

Open chat