IRepórter

Seis pessoas são presas durante operação da Polícia Civil em Macarani

Foto: divulgação (PC)

Seis pessoas foram presas durante uma operação de combate ao tráfico de drogas na cidade de Macarani. A operação aconteceu na manhã desta quinta-feira (24) e contou com vários policiais da delegacia de Itapetinga e região.

Aumento da violência

Foto: reprodução

Nos últimos dias, a cidade de Macarani registrou três assassinatos, três tentativas de homicídio e até um bar, localizado no bairro Majorie Parque, foi explodido. Não havia ninguém no comércio na hora do crime. O explosivo danificou garrafas de bebidas, um balcão de mármore e as portas do imóvel.

As investigações da Polícia Civil apontaram que uma guerra do tráfico de drogas seria a principal causa dos últimos acontecimentos.

A operação policial

A operação ‘Caranis’ se concentrou, principalmente, no bairro Sobral Bentes e na localidade conhecida como ‘Baixada’. O objetivo da polícia era cumprir doze mandados de busca e apreensão, autorizados pela Justiça Criminal local.

Na ação, três homens foram presos e três revólveres apreendidos. Numa segunda casa, os policiais apreenderam maconha, cocaína e crack. O morador de 27 anos foi preso. Dois usuários de drogas também foram apresentados na delegacia do município.

Em nota enviada à imprensa, a Polícia Civil disse que vai continuar trabalhando no intuito de responsabilizar criminalmente os autores pelos assassinatos.

“As investigações e incursões continuam para identificar e prender os autores dos homicídios”, destacou o órgão.

Nome da operação

A operação ‘Caranis’ é uma alusão aos primeiros indígenas que habitaram na região de Macarani, que na época pertencia ao município de Encruzilhada. Os ‘Caranis’ faziam parte do grupo dos ‘Botocudos’, que eram numerosos (na época), sendo facilmente encontrados pelo Sul da Bahia, norte do Espírito Santo e Minas Gerais.

Para ler ou assistir mais notícias clique aqui


Curta e Compartilhe.


Leia Também

Open chat