IRepórter

Covid-19 | Polícia Militar e GCM vão intensificar fiscalização em Itapetinga

Por iRepórter
Recentemente, uma nova variante do coronavírus foi detectada em pacientes do município de Itapetinga, conforme informações da própria Sesab. O órgão estadual pediu para que as pessoas evitassem viajar para a capital da pecuária, principalmente, em casos não essenciais. Oficialmente, 4.587 moradores foram diagnosticados com a Covid-19. Destes, 117 não resistiram.
Algumas mortes ocorreram no HCR/ Foto: reprodução

No último domingo (9), através do Diário Oficial, o governador da Bahia, Rui Costa, prorrogou as medidas de combate ao vírus no estado. Itapetinga e região aparecem na lista dos munícipios com toque de recolher das 20h ás 05 horas; a realização de festas segue proibida. Os estabelecimentos estarão proibidos de comercializar bebida alcoólica a partir das 18h desta sexta-feira (14) até ás 05h de 17 de maio, segunda-feira.

O comandante da 8ª Companhia Independente de Polícia Militar (Cipm/Itapetinga) se manifestou através de nota enviada à imprensa.

“Vem por meio deste informar a toda a população que tem realizado operações no intuito de fazer cumprir o Decreto Estadual que versa sobre medidas restritivas para prevenção ao Covid-19. A unidade entende e se solidariza com os comerciantes locais e a população neste momento difícil. No entanto, a Polícia Militar da Bahia, enquanto instituição fiscalizadora e cumpridora das leis, continuará trabalhando para que tais medidas adotadas pelo Governo Estadual, que visam reduzir a taxa de contágio e de mortes ocasionadas por conta desta doença, sejam efetivadas”, destacou o major Vandilson Araújo.
A nota da 8 ª Cipm foi divulgada logo depois que comerciantes, principalmente donos de bares, procuraram a imprensa para denunciar que alguns estabelecimentos na Avenida Cinquentenário, não estavam obedecendo o decreto do governo baiano. Ainda segundo os denunciantes, até uma boate funciona na localidade, porém, providências não foram tomadas, até o momento.
O comandante Vandilson disse que os estabelecimentos serão fiscalizados e fez um pedido: “conclamamos a população e os proprietários de empreendimentos locais a auxiliar as forças de segurança no cumprimento dessas medidas. Quanto antes, juntos, conseguirmos controlar o novo coronavírus, as atividades voltarão ao normal para o comércio e para a população em geral”.
A fiscalização é realizada pela Polícia Militar e Guarda Civil Municipal (GCM).

Curta e Compartilhe.


Leia Também

Open chat