IRepórter

Delegado comenta denúncia de surto de gripe e falta d’água na delegacia de Itapetinga

Foto: ireporter.blog

Nos últimos dias, a imprensa de Itapetinga, através da Rádio Cidade FM e site iRepórter, receberam informações  a respeito de um surto de gripe na carceragem da delegacia de Itapetinga. Quase 60 presos estão custodiados no local. A denúncia vem, principalmente, de familiares de presos. As informações dão conta ainda que os encarcerados ficam até 4 dias sem tomar banho por falta de água.

Foto: reprodução

Procurado pela imprensa, o coordenador da 21ª Corpin, delegado Antônio Roberto Júnior, falou sobre o assunto (aúdio no final do texto).

“Não procede esta informação de que os presos ficaram vários dias sem água e de que há um surto de gripe na custódia. Houve um desabastecimento de água, mas, isso não foi só aqui no Complexo Policial”.

O delegado informou que durante a falta de água, a prefeitura de Itapetinga disponibilizou um carro-pipa, “onde foi colocado água no tanque e disponibilizado para os presos”.

Visita da equipe de saúde/ Foto: divulgação

Os agentes também sofreram com a falta d’água no reservatório da unidade policial.

“Temos servidores que trabalham em regime de plantão (ficam 24 horas na delegacia), que também ficaram sem água; passaram por esse transtorno por conta das enchentes”, frisou o delegado.

Visita da equipe de saúde/ Foto: divulgação

A respeito da saúde dos presos, o coordenador informou que realmente alguns presos ficaram gripados.

“De fato, alguns presos apresentam sintomas gripais, mas, são encaminhados ao pronto socorro”. 

 

Clique AQUI para mais notícias de Itapetinga, Conquista e região


Curta e Compartilhe.


Leia Também

Open chat