A primeira reunião do Comitê de Representação Civil e Institucional, criado para apoiar a Prefeitura nas ações de combate ao coronavírus em Vitória da Conquista, aconteceu por videoconferência na manhã de hoje (07). Os membros do Comitê apresentaram as principais demandas das instituições que representam e colocaram-se à disposição para o auxílio nas ações de enfrentamento à pandemia.

Os primeiros casos suspeitos da Covid-19 surgiram em Conquista no final do mês de fevereiro. Rapidamente, a Prefeitura passou a acompanhar a situação e adotar medidas adequadas de prevenção. Com o decorrer do tempo e das ações, o Comitê de Gestão de Crise entendeu ser necessário estender a participação da sociedade civil nas discussões. Foram convidados a integrar o Comitê de Representação Civil e Institucional representantes das mais importantes entidades do município, atuantes em diferentes segmentos como indústria, comércio, agronegócio, imprensa, entidades jurídicas, sindicais e políticas, entre outros. O Comitê se reunirá semanalmente para apresentar propostas e, em conjunto com o Comitê de Crise, pensar nas melhores formas de proporcionar a Vitória da Conquista a superação da pandemia com o menor impacto sobre a saúde da população.

Os representantes da CDL, Marcos Alberto de Oliveira e do Movimento Pró-Conquista, Itamar Figueiredo, sugeriram o retorno do comércio com abertura em horários fragmentados. A secretária de Comunicação, Maria Marques, lembrou que os estudos científicos indicam que mais de 70% dos infectados são assintomáticos e é importante uma ampla testagem para entender a real situação do município de Vitória da Conquista para tomar as decisões relacionadas à flexibilização da abertura do comércio e das escolas. Ainda assim, as propostas serão analisadas pelo Comitê de Gestão de Crise e discutidas na próxima reunião do Comitê de Representação Civil, que vai acontecer no dia 14 de abril, 10h, também por videoconferência.

As propostas serão submetidas ao CGC – Comitê de Gestão de Crise do coronavírus, e na próxima reunião, marcada para 5ª feira (14), na próxima semana, sairá a decisão de acatar ou não os projetos.

1 COMENTÁRIO

  1. Meus respeitos e admiração ao prefeito de Vitória da Conquista!
    Hérzen priorizou a vida e a segurança dos seus munícipes. O tratamento dado aos profissionais de saúde é outro nível. A organização é impressionante. Se compararmos o número da população de Conquista com a de Itapetinga, percebemos que a situação de Itapetinga no que se refere ao número de infectados, é escandaloso e o número de óbitos também é alarmante. É preciso testar as pessoas para ter noção aproximada da realidade e isso aqui em Itapetinga não está acontecendo, só tem testado os óbitos e poucas pessoas q apresentaram sintomas mais graves. Assim é impossível dá chance de tratar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui