IRepórter

Desaparecida há 43 dias: Família de Itororoense reconhece roupas em corpo encontrado e aguarda resultado de DNA

Um exame de DNA foi realizado pela família de Evanete Santana Santos, 42 anos, desaparecida há 43 dias da cidade de Eunápolis, afim de confirmar com certeza que o corpo encontrado em estado de decomposição em uma Fazenda na Zona Rural de Eunápolis é mesmo da representante comercial.

Segundo informações de familiares, Evanete, que era moradora da cidade de Eunápolis, costumava telefonar diariamente para os pais, que moram em Itororó. No entanto, a última ligação ocorreu no domingo (15). Desde então, ela não manteve mais contato com a família.

A última pessoa que viu a representante comercial foi a namorada dela, na quarta-feira, 18 de dezembro, em Eunápolis. Um dia depois, o carro de Evanete foi localizado estacionado em um posto de combustíveis em Coroa Vermelha, município de Santa Cruz Cabrália. “Ninguém que trabalha no posto soube informar quem estacionou o veículo” , disse a comerciante Márcia Santos, que é prima de Evanete.

Familiares estiveram no IML de Eunápolis na manhã desta terça-feira, 28, e confirmaram que as roupas encontradas no corpo são mesmo de Vinha. Neste momento aguardam pelo resultado do exame de DNA. (radar64)


Curta e Compartilhe.


Leia Também

Open chat